A tecnologia usada associa um módulo sensor a um computador que efetua uma análise completa da distribuição energética e hídrica da zona a tratar através de um modelo de algoritmos.

Após análise do mapa energético, o sistema define automaticamente um tratamento a ser efetuado.

Ou seja, o equipamento vai saber calcular em tempo real a quantidade de estimulação que uma determinada área necessita para restabelecer o seu equilíbrio. Os resultados são visíveis ao fim do primeiro tratamento.

Sequência do Tratamento

1. Após o registo fotográfico iniciamos o tratamento fazendo uma avaliação do perfil energético da cliente. Colocamos o eléctrodo em pontos fundamentais (sem mover), o computador faz a análise e ao fim de alguns segundos a resposta é dada através de uma escala cromática.

2. Como os níveis energéticos estavam baixos houve necessidade de os repor, o que é normal especialmente em clientes que foram submetidos a intervenções cirúrgicas recentemente.

3. Abrimos os cores de energia trabalhando os meridianos, a nível do abdómen.

4. Entramos agora no programa especifico de cicatrizes, definindo uma zona a tratar que envolve os tecidos circundantes à cicatriz. Utilizamos o eletrólito recomendado pelo programa, Esta fase do tratamento tem como objetivo melhorar a drenagem, reduzir nódulos, inflamação e edema.

5. Definiu-se uma área mais restrita, só a zona da cicatriz, e prosseguimos o tratamento regenerando o tecido afetado utilizando o eletrólito específico para situações de rotura de fibras, ex: cicatizes, estrias e cicatrizes de acne.

6. Terminamos com a aplicação de um creme regenerador do tecido específico para cicatrizes.

Testemunho

A nossa "modelo" partilhou connosco o seu testemunho sobre o tratamento efetuado, que ela achou ter realmente efeitos visíveis. "A cicatriz, quer na sua coloração viva, quer na profundidade, melhorou visivelmente desde a primeira sessão. Com a continuidade do tratamento, ela foi ficando cada vez mais rosada (e menos vermelha) e menos "vincada" ("profunda") na pele. Após cada sessão, toda a área adjacente à cicatriz ficava menos inflamada e o edema ("papinho" acima da cicatriz) atenuava-se bastante. A sensibilidade da zona foi reaparecendo lentamente."

Fotografia de entrada: © IgorPetrovic - Fotolia.com
Agradecimentos: lbertronic; Beautyteck

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.