A vida amorosa de Miley Cyrus tem sido uma montanha russa ao longo dos últimos dois anos. Em agosto de 2018, a cantora divorciou-se de Liam Hemsworth apenas oito meses depois do seu casamento, tendo tido relacionamentos breves, posteriormente, com Kaitlyn Carter e Cody Simpson.

Foi precisamente sobre este assunto que a artista refletiu num momento em que abriu o coração aos fãs, antes de cantar a música de Janis Joplin - 'Maybe' -, no BottleRock Festival, Califórnia, no passado fim de semana.

"Esta música, para mim, fala das mudanças que tenho vindo a experienciar na minha vida, e das coisas que eu perdi e que voltaram sem eu saber que queria ou precisava", começou por dizer.

"Mesmo sabendo que às vezes temos de começar do zero, como depois de um incêndio em casa, e reconstruir totalmente... esse incêndio foi há quase três anos e sinto que comecei a encontrar a minha estabilidade agora. Quero que toda a gente seja paciente - nada que valha alguma coisa surge do dia para a noite, é preciso muito esforço e resiliência", lembra.

"Tinha uma teoria de que morreria se não tivesse alguém. Se não tivesse alguém para me beijar todas as noites. Mas depois deste meu propósito, que foi tirado de mim durante a Covid, aí então encontrei outro propósito - que a música foi o que nos manteve fortes nesses momentos. Sou tão sortuda por ser cantora", completou.

Leia Também: Novas fotos podem confirmar o namoro de Demi Lovato e irmã de Miley Cyrus

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.