Lady Gaga vive um verdadeiro pesadelo na sua vida pessoal desde esta quarta-feira, dia 24, o passeador dos cães da cantora foi baleado quatro vezes no peito, quando passeava os seus dois cães.

Os dois bulldogs foram roubados no momento e encontram-se desde então desaparecidos, para desespero de Lady Gaga.

Na noite de sexta-feira, ainda sem notícias dos seus fieis companheiros, a artista resolveu falar pela primeira vez sobre o momento delicado que está a viver.

"Os meus amados cães, Koji e Gustav, foram levados em Hollywood há duas noites. O meu coração está doente e estou a orar para que a minha família fique inteira novamente com um ato de bondade", começa por declarar, reforçando que irá entregar uma recompensa de 500 mil dólares (409 mil euros) a quem entregar os animais em segurança.

Lady Gaga pede quem tenha visto os cães ou saiba de alguma informação, envie e-mail para KojiandGustav@gmail.com.

"Se os comprou ou encontrou sem saber, a recompensa é a mesma", reforça.

Por fim, uma mensagem para o seu empregado, que arriscou a vida para tentar que os animais não fossem levados. "Continuo a amar-te Ryan Fischer, arriscaste a vida para lutar pela nossa família. Vais ser sempre um herói".

Ryan Fischer foi de imediato levada para o hospital, mas já se encontra estável.

Leia Também: Passeador de cães de Lady Gaga sobreviveu graças a um vizinho

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.