Manuel Luís Goucha recebeu esta quarta-feira no seu programa das tardes da TVI o jovem José, que com apenas 27 anos é dono de uma história de vida marcada por períodos de grande sofrimento e superação.

"Na etnia cigana as pessoas com deficiência são consideradas inferiores. Para eles é uma vergonha ter um filho deficiente. Então, deixaram-me no hospital e fiquei lá durante três anos", recorda José, abandonado pelos pais à nascença por ter sido diagnosticado com distrofia muscular congénita.

Apesar de todas as tormentas pelas quais passou, José tronou-se um homem culto, informado e com vontade de aprender. A sua resiliência impressionou Manuel Luís Goucha.

"É das conversas mais notáveis que eu tive na minha vida", disse o apresentador na reta final da entrevista.

Reveja aqui a conversa entre Goucha e José.

Leia Também: Tiago Teotónio Pereira mostra a barriguinha de grávida de Rita Patrocínio

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.