Mary-Kate Olsen é dona de uma fortuna avaliada em 250 milhões de dólares, aproximadamente, 228 milhões de euros, derivada dos negócios que leva a cabo no mundo do entretenimento e da moda. Mas, segundo a imprensa internacional, o seu foco na carreira não era o que Olivier Sarkozy, ex-companheiro de quem se está a divorciar agora, tinha em mente quando se casou com ela.

Ao longo dos últimos dias, desde que o processo de separação se tornou público, têm sido revelados alguns dos problemas que afetavam o relacionamento do ex-casal. Neste sentido, alguns meios de comunicação dão conta que o desentendimentos começaram quando quiseram aumentar a sua família.

"A Mary-Kate é muito trabalhadora e focada no seu negócio. A sua agenda de trabalho é muito rígida. Ela é o tipo de pessoa que nunca se queixaria de um dia com 12 horas de trabalho", notou uma fonte à revista People.

"O Oliver nunca percebeu a sua paixão. Ele adoraria ter uma mulher que ficasse em casa", acrescentou ainda a mesma fonte. Para além disso, é referido que Mary-Kate raramente tirava férias, enquanto Olivier adorava ir para sítios paradisíacos com os seus amigos.

Leia Também: Mary-Kate Olsen e Olivier Sarkozy separam-se após seis anos de casamento

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.