O príncipe André não irá retomar os deveres oficiais enquanto membro da realeza devido à polémica recente em que se viu envolvido. A informação é avançada pelo jornal The Sunday Times.

"O príncipe André, que se afastou da vida pública no ano passado, não retomará as suas funções oficiais", cita a revista Harper's Bazaar.

"O príncipe esperava que sua mudança de posição fosse temporária, mas essas esperanças desapareceram", refere ainda a mesma publicação, explicando que esta terá sido uma decisão da rainha Isabel II.

O príncipe até tinha vontade de voltar às suas funções enquanto membro da realeza, mas a sua presença passou a ser considerada "tóxica" e, para já, não há planos para que a sua situação seja revista.

Recorde-se que o afastamento do príncipe André está relacionado com o seu alegado envolvimento num escândalo sexual que tem por base a sua amizade com o empresário Jeffrey Epstein.

Leia Também: Escândalos na realeza? Vieram mesmo a calhar para o príncipe Carlos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.