Harvey Weinstein está desesperado no âmbito de uma tentativa de limpar o seu nome, tendo em conta as inúmeras acusações de assédio e abuso sexual de que foi alvo por parte de várias artistas de Hollywood.

Segundo o site de entretenimento TMZ, o produtor está a enviar um email a todas as pessoas da imprensa com quem trabalhou. O motivo é claro: Harvey considera que o seu lado não está a ser devidamente exposto pelos jornalistas.

“O meu ano tem sido um inferno… o pior pesadelo na minha vida. Como pode ver por estes artigos, a polícia tem ocupado um lugar muito difícil no meu processo”, garante, referindo que três investigadores foram substituídos.

Ou seja, Weinstein põe em causa a conduta das autoridades que ficaram encarregues de investigar o seu caso e chega mesmo a fazer uma referência ao ex-detetive chefe da Polícia de Nova Iorque, que foi acusado de adulteração de testemunhas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.