António Pedro Cerdeira esteve na semana passada à conversa com Cristina Ferreira, onde falou do seu novo papel, na novela 'Nazaré', da SIC. Uma personagem que chega numa fase menos boa, com a perda da mãe.

Depois de ter perdido o pai quando tinha 20 anos, o ator voltou a sofrer com a morte da progenitora, no ano passado.

Ainda de luto, n'O Programa da Cristina' António confessou que sente a falta da mãe, especialmente em certos momentos mais marcantes da sua vida, como quando foi a apresentação da novela.

O ator lembrou ainda que ligava todos os dias à mãe, maior parte dos dias "falava duas a três vezes por dia". Aliás, confessou que ainda não conseguiu tirar o número da progenitora da sua lista telefónica.

"Há três ou quatro pessoas que ainda não consegui tirar. O Nicolau Breyner é uma dessas pessoas, o Eduardo Beauté, a minha mãe... São pessoas que tenho no telefone e não consigo apagar", partilhou.

Para ver este momento, clique aqui.

Leia Também: Cinco meses de luto. Carolina Dieckmann sofre com a morte da mãe

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.