Agora que arrancou a última fase de desconfinamento na maioria dos concelhos, e com ela a abertura de muitos estabelecimentos, a possibilidade de fazermos mais atividades no exterior e a oportunidade de nos reunirmos (em número controlado) em esplanadas e restaurantes.

Este aliviar de medidas quer também dizer que voltamos a poder estar com quem gostamos - ou gostávamos de conhecer melhor. Mas está preocupado em encontrar-se com alguém na vida real depois de tanto tempo?

Quer tenha preocupações de saúde com a COVID-19 ou esteja socialmente ansioso por voltar a interagir com pessoas na vida real, saiba que pode voltar à “normalidade” com o seu próprio ritmo. Se é este o seu caso, não está sozinho neste fenómeno que até tem um nome: FOMU - Fear Of Meeting Up, ou seja, medo de voltar a encontrar-se com alguém.

Siga estas 9 dicas do portal felizes.pt, o maior portal português de encontros românticos.

1. Ser honesto sobre como está a sentir-se

Já podemos sair, mas não quer dizer que o devamos fazer. A plataforma aconselha a que faça isto ao seu próprio ritmo e que diga a verdade ou discuta o assunto com a outra pessoa. Pode ser honesto com o que se sente confortável ou não e definir regras para um encontro, como por exemplo, manter sempre a distância de segurança.

2. Marcar o primeiro encontro por videochamada

As plataformas que possibilitam simular a vida real em direto continuam a existir e podem ser muito úteis nesta fase. A recomendação é que faça um pré-encontro online antes de “saltar” para a vida real. Pode aproveitar este momento para fazer algumas perguntas sobre os hábitos da pessoa ou que contactos sociais tem, e assim poderá decidir melhor se se sente confortável em encontrar-se com ela.

3. Pensar em temas fáceis de conversa e não centrar a conversa à volta da COVID-19

Falar com pessoas na vida real, e depois de tanto tempo, pode causar estranheza e desconforto. A plataforma sugere preparar de antemão alguns temas que possam afastar a ansiedade como os planos que tem para quando tudo acabar, os mais recentes vícios televisivos, entre outros. Tente não focar a conversa na pandemia. Embora seja quase impossível não tocar no assunto, muitas pessoas podem sentir que monopoliza os temas de conversa, deixando pouco espaço para que possam conhecer-se.

4. Planear uma atividade

O que se pode fazer está limitado, mas se ainda estiver desconfortável com os encontros em esplanadas, a plataforma dá algumas ideias como um passeio junto ao rio, uma caminhada por um parque ou até mesmo um jogo de ténis, por exemplo.

5. Transformar um momento estranho num momento memorável

O importante é que se divirta apesar dos momentos embaraçosos que a falta de convívio social pode causar. Afinal conhecer novas pessoas é uma pausa bem-vinda na rotina. Aproveite para fazer uma atividade que não teria coragem de experimentar sozinho.

6. Pensar nos aspetos positivos

Apesar do impacto negativo do último ano em algumas relações, os encontros online podem ter ajudado a criar ligações românticas mais fortes e as conversas no digital tornaram-se mais detalhadas e emocionais. Depois disto tudo, quem quiser aventurar-se a sair vai provavelmente estar mais aberto a trabalhar uma relação ou a criar laços significativos com a outra pessoa.

7. Manter-se seguro - usar ou não usar máscara?

Enquanto desconfina, uma das maiores preocupações deve ser não contrair ou espalhar o vírus. É importante que todos nós respeitemos o mais possível o distanciamento social e tomemos precauções tais como usar máscara, desinfetar as mãos e fazer o nosso melhor para seguir os regulamentos governamentais e garantir que estamos tão seguros quanto possível quando estamos em contacto próximo com outros.

8. Como cumprimentar?

Em termos de toque físico, a plataforma comenta que as pessoas terão de se tornar explícitas acerca das suas preferências e de como se sentem confortáveis. Se tem de o fazer com os seus amigos e colegas de trabalho, terá certamente de o fazer numa nova relação. Opte por perguntar à outra pessoa com o que se sente mais confortável e faça-o sempre em cada uma das fases da relação.

9 - Não deixar de pensar em como está a sentir-se

O que sente em relação ao encontro pode mudar e, por isso, deverá fazer uma verificação mental com a outra pessoa de como estão a sentir-se durante todo o processo do desconfinamento e da nova relação. O reencontro com a sociedade deixou muitos de nós desconfortáveis, mas devemos lembrar-nos que ir devagar é natural. O que importa é sermos honestos connosco e com os outros.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.