A Amnistia Internacional, juntamente com a marca women'secret, lançou a campanha solidária contra a violência doméstica sobre as mulheres: "A violência doméstica não pode ser um segredo".

A apresentação realizou-se no espaço MK2 e contou com a presença de Pedro Krupenski (director executivo da Amnistia Internacional), Jaume Miquel Naudí (director geral da women'secret) e Cristina Almeida (directora de New Business da McCann Erikson).

A Amnistia Internacional (AI) contou ainda com o apoio de Fernanda Freitas, José Neves e Sofia Aparício que estiveram numa acção de rua com voluntários da AI e deram voz a esta campanha de sensibilização para acabar com o silêncio, salientado que deixar de ser segredo é o primeiro passo para deixar de ser um problema.

30 de Março de 2010

Veja ainda:

Violênca doméstica aumentou 10% em 2009

Mulheres têm mais pesadelos com assédio e luto

"We, thw women" em exposição na Alemanha

Beijar faz bem à saúde

Diz-me quem és, dir-te-ei o teu penteado

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.