Com o aproximar da Black Friday, Cyber Monday e, logo a seguir, o período relacionado com as compras de Natal, os smartphones, smartwatches, tablets ou portáteis, são alguns dos produtos que mais se destacam.

Caso não tenha atenção a alguns aspetos poderá ‘abrir a porta’ a um hacker, permitindo que este o ataque. Assim, a S21sec, empresa de serviços de cibersegurança, partilha quatro dicas para aumentar a segurança na utilização destes dispositivos.

1. Características de segurança

Antes de adquirir qualquer equipamento, procure entender quais os tipos de características e funções de segurança que este possui, as vantagens, desvantagens e riscos associados às suas necessidades específicas e à utilização do equipamento.

2. Altere as passwords

Após comprar um equipamento novo, deverá trocar imediatamente de passwords pré-existentes no mesmo. A maioria dos dispositivos eletrónicos vem com uma palavra-chave padrão. Deve definir passwords fortes e exclusivas para cada dispositivo que possui.

3. Atualização frequente de equipamentos

Mantenha os seus equipamentos sempre atualizados, procure atualizar os seus equipamentos com frequência, tanto o Sistema Operativo como todas as aplicações existentes no equipamento.

Os atacantes estão constantemente a procurar vulnerabilidades em softwares. Caso o equipamento necessite conhecimento técnico, procure ajuda de um especialista.

4. Use a autenticação de dois fatores

A utilização de credenciação com a palavra-passe e um código de segurança que lhe é enviado para outro dispositivo que possui, tornará mais difícil a entrada dos atacantes nos seus dispositivos.

Aumento exponencial do cibercrime

Além disto, a S21sec prevê um aumento exponencial do cibercrime durante esta época em que os consumidores estão mais predispostos a receber promoções, alertas e a efetivar o processo de compra.

A empresa deixa alguns conselhos para que possa realizar as suas compras em segurança.

1. Compre através de plataformas seguras e conhecidas

Desconfie das lojas que oferecem produtos quase de borla. Se não está seguro da sua procedência, é melhor evitá-las e aceitar que vale mais gastar uns euros extra em prol da segurança dos seus dados ou do seu dinheiro.

2. Verificar o website antes de pagar

Reveja o seu browser e assegure-se de que o domínio ou URL da loja digital não é suspeito: deve conter o nome exato da loja sem alterações ou erros de ortografia.

Se não coincidir, não faça qualquer compra. Assegure-se também que se trata de pagamento seguro, verificando que o endereço do website começa por https://.

3. Desconfie das mensagens massivas

Evite aceder às ofertas estranhas que conhecidos seus partilham nas redes sociais ou grupos de Whatsapp. Utilize o seu julgamento crítico para decidir se um produto realmente pode ser oferecido a um preço exageradamente baixo.

Perante qualquer dúvida, é melhor procurar essa mesma oferta diretamente na página web oficial da loja.

4. Não difunda a fraude

Não alimente esta “bola de neve”, partilhando estas mensagens entre os seus conhecidos sem especificar que se trata de uma burla: o “boca a boca”, inclusive a nível digital, alimenta a proliferação deste tipo de fraude.

5. Evite descuidos nas redes abertas

Se está ligado com o seu equipamento a uma rede WiFi partilhada, não faça compras online: procure os artigos através das aplicações oficiais das lojas, coloque-os no carrinho de compras e finalize a transação quando estiver conectado numa rede segura. Jamais use os seus dados bancários numa rede pública.

6. Faça compras conscientes

Embora a oferta seja muito tentadora, questione-se se realmente necessita desse produto ou serviço. Não se guie por impulsos. Muitas vezes as ofertas não são assim tão boas como parecem.

Nunca deixe de se perguntar: “será que preciso mesmo disto?”. Fomente uma cultura de compra responsável.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.