É um daqueles temas que, ao longo dos anos, tem apaixonado cientistas um pouco por todo o mundo e as suas descobertas são surpreendentes. De acordo com algumas das investigações feitas, as mulheres riem-se mais vezes do que os homens. O riso feminino, à semelhança do sorriso delas, é, por norma, intenso e espontâneo, ao contrário do masculino, que tende a ser mais racional. No decorrer do tempo, foram identificadas oito boas razões para sorrir ou dar uma gargalhada. Está à espera de quê para soltar já uma?

1. Previne doenças

A respiração acelera e os batimentos cardíacos também. Os especialistas confirmam que, após uma gargalhada, a respiração torna-se mais profunda, o que contribui para uma redução da tensão arterial, para uma melhor oxigenação do sangue e também para um aporte de nutrientes ao organismo. Um estudo científico divulgado no final de 2020 na publicação especializada BMJ descobriu que recorrer a palhaços para animar crianças hospitalizadas reduz o estado de ansiedade em que se encontram e potencia a cura.

2. Aproxima-nos dos outros

O sorriso tem uma função primordial que nunca deve ser esquecida. Expressar emoção e criar elos entre as pessoas. Os bebés usam-no desde logo para comunicar e, ao longo da vida, este gesto, além de marcar a sua imagem, também interfere na forma como se relaciona com os outros. Inclusivamente, quando não está a ser visto, como revelou um estudo científico realizado pela Universidade de Portsmouth, em Inglaterra, no qual os seus participantes conseguiram distinguir vários tipos de sorriso apenas pelo som da voz.

3. Estimula o cérebro

A atividade desencadeada pelo riso coloca ambos os hemisférios cerebrais em ação. Esse processo liberta a mente da tensão e do stresse psicológico e torna-a mais desperta para o que a rodeia, assim como para reter informação. Uma investigação científica divulgada pelo JNeurosci, a publicação oficial da Society for Neuroscience, em meados de 2017, comprovou que sorrir liberta endorfinas e conduz o cérebro a um estado de euforia semelhante ao que é potenciado por algumas substâncias aditivas de consumo ilegal.

4. Rejuvenesce

O riso não é apenas uma das melhores estratégias para reduzir a ansiedade. Rir também funciona como um poderoso agente anti-idade. Uma gargalhada frequente pode rejuvenescer uma pessoa "entre 1,7 e 8,1 anos", defendem mesmo os prestigiados médicos norte-americanos Michael Roizen e Mehmet Oz, autores do livro "You - Manual de instruções", presença regular nos programas de televisão da popular apresentadora Oprah Winfrey. Não são, no entanto, os únicos a defender publicamente esta tese.

5. Liberta-nos

Rir é vital para o ser humano, funcionando esse gesto como "o comando para reiniciar um computador", afirma Yoji Kimura, o professor japonês que desenvolveu um aparelho tecnológico que mede a intensidade do riso através dos movimentos do diafragma. O cientista nipónico apurou, ao longo do extenso trabalho de investigação que tem desenvolvido, que são as crianças quem se ri mais livremente, emitindo cerca de uma dezena expressões referenciadas por segundo, praticamente o dobro das de um adulto.

6. Exercita o corpo

Se o sorriso se limita aos músculos da face, uma boa gargalhada fortalece outros pontos do organismo. É o caso do diafragma e da zona abdominal, onde os benefícios são vastos, tanto a nível do tónus muscular como até na melhoria da digestão e/ou do trânsito intestinal. Nos últimos anos, foram vários os investigadores que se debruçaram sobre o assunto, comprovando esta tese. Há pessoas que, em situações de maior descontração, ficam com os abdominais contraídos de tanto rir, o que é benéfico a vários níveis.

7. Combate o stresse

O pensamento positivo é o passaporte para uma vida feliz. Como consegui-lo? Sorrindo! Para além de ajudar a eliminar o stresse e de combater estados de ansiedade, o sorriso pode ajudar na recuperação da depressão. "Ver imagens positivas, como o sorriso superior, fortalece os pensamentos positivos", defendeu, em declarações à revista Saber Viver, Armindo Freitas-Magalhães, psicólogo, fundador do Laboratório de Expressão Facial da Emoção da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa.

8. Queima calorias

Rir é, como seguramente já percebeu, mesmo bom para o organismo e isso também se vê na balança. Além de aumentar o gasto energético do organismo através da aceleração do metabolismo, também acresce, em cerca de 20%, o ritmo cardíaco, revela um estudo científico internacional. Bastam, segundo os investigadores, apenas 10 minutos de gargalhadas para eliminar cerca de 40 calorias. Este valor equivale apenas a um quadrado de chocolate mas, como sublinham os especialistas, já é melhor do que nada.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.