A forma como se cuida de alguém com incontinência depende do nível de mobilidade física e do estado mental da pessoa. No entanto, a higiene pessoal é sempre uma parte fundamental do contacto e da comunicação com essa pessoa.

De facto, os cuidados de higiene são extremamente importantes e significativos no quotidiano de alguém com incontinência urinária, pelo que o facto de o seu familiar ou amigo não conseguir realizá-los sozinho pode levar a momentos de frustração.

A sua atenção, cuidado, paciência, apoio e respeito durante a realização destas rotinas são, por isso, essenciais. Coloque-se sempre no lugar dele e pergunte-se como gostaria que o procedimento fosse feito consigo. Estará, assim, a prestar o melhor cuidado que pode.

Como dar conforto

Para aprender a conhecer e a respeitar os hábitos do seu familiar, siga as seguintes indicações:

1.Avalie a capacidade do seu ente querido para colaborar e mantenha os seus hábitos de higiene tanto quanto possível (uso de desodorizantes, loções pessoais, etc.).

2.Informe-o sobre aquilo que está a fazer ou que pretende fazer. Desta forma, assegura-se de que ele estará preparado.

3.Lave bem as mãos e use luvas limpas para garantir o cumprimento das regras de higiene.

4.Respeite a privacidade e a dignidade do utente (feche a porta e exponha apenas as partes do corpo que precisem de limpeza).

5.Não faça interrupções desnecessárias.

6.Garanta a segurança, a privacidade e o conforto.

7.Ofereça a ajuda necessária e ensine. Incite o seu ente querido a tomar parte activa ao realizar a higiene pessoal.

Escolher os produtos certos

É essencial garantir o conforto físico e emocional da pessoa com incontinência.

Para tal, utilize produtos que ofereçam a máxima segurança e previnam os efeitos secundários negativos que a incontinência pode provocar, tal como acordar num colchão molhado ou problemas cutâneos, cujas consequências em termos emocionais, físicos e de consumo de tempo são enormes.

Para prevenir essas consequências, escolha fraldas:

- Com rápida absorção, que retenham a urina longe da pele e evitem fugas, de modo a evitar colchões e roupas molhadas, distúrbios durante a noite e a sensação de frustração.

- De fácil colocação, de modo a reduzir o tempo e o esforço necessário.

- Com indicador de humidade, de modo a reduzir mudanças antes ou depois de ser realmente necessário.

- Com o tamanho certo. Um tamanho grande demais leva a fugas e tende a não se adaptar ao corpo, enquanto um tamanho pequeno demais tende a ferir a pele e a criar problemas.

- Com a melhor absorção, adequando a quantidade de urina que o produto pode absorver até ser mudado à pessoa de que cuida a cada momento. Por exemplo, pode necessitar de produtos diferentes para o dia e para a noite, consoante as rotinas que tem.

- Respiráveis, pois permitem a circulação do ar, diminuindo o risco de lesões de pele causadas pela humidade das fraldas tradicionais.

- Desenhados tendo em atenção o aumento do conforto e reduzindo o consumo.

Fique a par de procedimentos que garantem uma higiene diária eficaz a quem sofre de incontinência urinária aqui

Para mais informações clique aqui

A responsabilidade desta informação é de

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.