É um dos desportos preferidos da maioria dos portugueses. Petiscar nem sempre é negativo, bem pelo contrário. Quantas vezes já conseguiu relaxar a tensão com uma recompensa alimentar? A realidade é que comer dá prazer e traz consigo uma descarga de endorfinas, uma substância que o cérebro segrega e que tem o poder tranquilizante. E isto não acontece apenas com um quadrado de chocolate ou com uma bolacha ou um biscoito!

Uma fatia de fiambre de peru ou um iogurte magro também servem, pois fornecem triptofano, que ativa a produção de serotonina, um neurotransmissor sedante, como sublinham muitos especialistas. Escolher os melhores snacks é, assim, fundamental. A par da escolha mais adequada há ainda uma série de outros comportamentos a ter, meia-dúzia de estratégias simples a adotar urgentemente.

5 regras básicas que deve procurar seguir todos os dias

Pequenos gestos a adotar urgentemente para não fazer os dígitos da balança disparar:

1. Petisque apenas quando sentir fome

Parece uma regra básica mas o fracasso de muitas dietas acontece quando assaltamos o frigorífico apenas por aborrecimento ou stresse. Duas a três horas depois da refeição principal é o período ideal.

2. Escolha bem o que petiscar

Prefira fruta, vegetais, carne e similares, laticínios, pão, cereais, arroz e massa. Nada de gorduras, açúcares nem bebidas alcoólicas.

3. Aposte na variedade

Não coma sempre o mesmo. Faça com que o momento do lanche não só seja divertido como nutritivo. Use a imaginação para preparar os alimentos e atreva-se a provar novos.

 4. Beba (bastante) água

O mais precioso dos líquidos não só não engorda, como sacia o apetite, ajuda a diminuir a vontade de petiscar e melhora o funcionamento de todo o organismo e a assimilação dos nutrientes.

5. Tenha sempre alimentos saudáveis à mão

se lancha no seu trabalho tenha sempre consigo uma merenda. Fruta já lavada é uma boa opção. Assim, evitará ter de recorrer às máquinas com bolos, habituais nos escritórios. Para lhe facilitar a vida, sugerimos-lhe uma série de lanches e de snacks que deve privilegiar no dia a dia.

Os benefícios de petiscar alimentos saudáveis

São muitos os especialistas que o referem. Um lanche ligeiro ajuda a controlar o peso. Se come com frequência, reajustará o número de calorias que ingere em todas as refeições, de modo a que o total seja o mais adequado. Alguns estudos demonstram que, com cinco refeições por dia, reduz os níveis globais de colesterol e em particular do mau (LDL), controlará melhor o nível de glicose e evita os picos de insulina.

Como controlar os ataques de fome

Há uma série de cuidados a ter. Organize melhor as refeições. Um bom pequeno-almoço, um lanche a meio da manhã e outro à tarde evitam sentir fome entre as refeições principais. De vez em quando, coma um alimento pelo qual anseia. Quando há proibição a ansiedade cresce. O melhor momento para pecar é depois de praticar desporto.

Afaste a comida da sua mente, pensando noutras coisas. Não é um exercício fácil de início mas, com o passar do tempo, passará a ser mais fácil. Cumpra sempre o horário das refeições. É fundamental não saltar nenhuma para não cair em tentação. Respeite também os rituais das refeições. Sente-se à mesa, mastigue bem e com tranquilidade. Muitos especialistas recomendam entre 20 a 40 mastigações por garfada.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.