Quer conhecer a fórmula mágica para ficar mais bonita? Simples. Coma entre três a cinco peças de legumes e fruta por dia e veja o resultado em seis semanas. Não acredita? O estudo divulgado pela universidade americana St. Andrew revela que as pessoas que consomem as porções recomendadas de fruta e legumes ficam mais atraentes. Tudo isto em apenas seis semanas.

A explicação está nos carotenoides, pigmentos naturais que existem em alguns alimentos – brócolos, espinafres, cenouras… - e são essenciais para a conversão da vitamina A e a assimilação da vitamina C. Entre as suas funções está a proteção da pele às agressões externas e os raios UV, prevenindo os efeitos do envelhecimento. Paralelamente age ativamente na recuperação da pele e auxilia na formação de melanina, pigmento responsável por conferir luminosidade e beleza à pele.

Antes que chegue o verão E onde podemos encontrar este nutriente milagroso que a torna mais bonita? Nos legumes e na fruta. Mas há mais milagres. Ao mesmo tempo que está a ficar mais bonita por fora, está também a contribuir para controlar o seu peso. Como? Ingerida no início da refeição, a sopa contribui para comer menos quantidade nos pratos seguintes. Assim, consegue fazer uma gestão calórica mais equilibrada. Com a vantagem de estar a contribuir para a sua saúde e da sua família.

A sopa apresenta na sua composição vitamina, minerais, substâncias antioxidantes, fibra e água essenciais numa alimentação saudável. Alia-se ainda o facto de ser um alimento pouco calórico e que confere grande saciedade. A sopa poderá ser apresentada com vários sabores e texturas, desde os cremes – legumes, cogumelos, tomate, couve-flor -, passando pelas tipicamente portuguesas com pedaços de hortaliças. A falta de tempo para a preparar não serve de desculpa para não a comer! Existem várias opções – frescas ou desidratadas (em pó) para todos os gostos.

Sopas desidratadas? Tire as dúvidas.

Se existem dúvidas sobre a alternativa das sopas em pó, estas não fazem sentido persistir. Da mesma forma que o leite em pó preserva as propriedades do leite, o mesmo se passa com outros alimentos desidratados. O processo de desidratação consiste em retirar-lhes a água para ficarem secos e poderem durar mais tempo sem precisar de conservantes. É o caso do feijão e do grão-de -bico que temos que demolhar antes de cozinhar.

No caso da sopa, o processo é idêntico. Depois de secos, os ingredientes são cortados e triturados até ficarem em pó. Trata-se de um método pouco agressivo que não altera a estrutura dos alimentos, retendo a maior parte do seu conteúdo nutricional. No caso das hortaliças e legumes que estão na génese destas sopas, é possível manter quase 100% das suas vitaminas e minerais. A saber:

- Vitamina A – Protege a saúde dos olhos

- Magnésio – Promove o bom funcionamento dos músculos, nervos. Auxilia a formação dos dentes e ossos

- Potássio – Ajuda a controlar a pressão arterial

- Selénio – Atua enquanto antioxidante

Lembre-se, o consumo regular de sopa tem sido associado à regulação intestinal, ajuda a controlar o peso corporal, ao mesmo tempo que contribui para o aumento da ingestão hídrica. Tudo isto, aliado ao facto de ficar mais bonito(a), não há por que recusá-la na sua mesa. Ou há?!

Helena CidNutricionista

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.