«A couve-flor não é mais do que uma couve com educação superior», escrevia Mark Twain, autor e humorista norte-americano, no século XIX. Fonte de saúde, este alimento é reconhecido pelas suas propriedades desintoxicantes e depurativas. Além de oferecer uma grande versatilidade culinária, a couve-flor ajuda a cuidar do seu organismo a vários níveis. Tem poucas calorias e é conhecida por ser a mais digestiva de todas as couves.

Trata-se de um alimento anticancerígeno rico em vitamina C, K, folatos (ácido fólico e sais minerais) e fibras. As suas propriedades diuréticas devem-se ao elevado teor de água e de potássio. Este vegetal é recomendado para pessoas que sofram de hipertensão, já que contém baixas quantidades de sódio. Apesar de ser tradicionalmente consumido cozido, como acompanhamento ou em sopas e cremes, em Portugal, muitos especialistas recomendam a sua ingestão em cru.

Os franceses têm por hábito cortá-la em pequenos pedaços, depois de bem lavada, servindo-a acompanhada com um molho, em jeito de aperitivo. Há ainda quem a junte às saladas, tal como os cogumelos. Outra forma deliciosa de a saborear passa pela confeção de um gratinado de couve-flor com molho béchamel light. Depois de cozido o vegetal em água e sal, escorra-o e transfira-o para um tabuleiro. Regue com o molho, polvilhe com queijo e leve a gratinar. É um óptimo acompanhamento para pratos de carne.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.