"Não tratar as hemorroidas por vergonha de falar com o médico pode levar ao aumento da dor, desconforto e consequente agravamento da doença", explica a médica Margarida Santos, Interna de Medicina Geral e Familiar. "Este projeto vem permitir um maior acesso a informação para o doente, que encontra nos conteúdos disponíveis um complemento útil ao acompanhamento médico, que não deve ser descurado. É essencial desmistificar a doença hemorroidária, que para além de prevalente, interfere muito com a qualidade de vida do doente”, conclui a médica.

"A doença hemorroidária ainda é uma doença tabu, sobre a qual muitos doentes não falam com o seu médico", explica a Servier Portugal, empresa responsável pela iniciativa, em comunicado.

A procura online de informação sobre esta patologia é um ato frequente na jornada destes doentes. "Esta iniciativa pretende dar ao doente o acesso a conteúdo digital fidedigno sobre doença hemorroidária para que, com mais informação, possa sem vergonha e de forma mais confiante abordar a sua condição de saúde junto do seu médico ou farmacêutico", refere a nota.

As hemorroidas são vasos sanguíneos localizados no canal anal de todas as pessoas. No entanto, quando dilatadas, podem provocar comichão, dor, perdas de sangue e exteriorização, conduzindo a uma crise de doença hemorroidária.

Uma em cada três pessoas vai sofrer de doença hemorroidária pelo menos uma vez na sua vida e, embora seja mais frequente nas faixas etárias entre os 45 e os 65 anos, esta doença pode acontecer em qualquer faixa etária.

Apesar de ser uma patologia frequente e que pode comprometer profundamente a qualidade de vida de quem com ela convive, o tabu torna-a numa doença subdiagnosticada e, por isso, subtratada.

A plataforma, que será atualizada frequentemente, conta já com diversa informação sobre hemorroidas – o que são, que fatores de risco podem contribuir para o seu aparecimento, como se pode prevenir e tratar – e dá ao utilizador a possibilidade de testar o seu conhecimento, com um quizz sobre mitos comuns associados à doença hemorroidária.

Alguns dos sintomas da doença hemorroidária incluem:

• Dor ou desconforto anal;

• Prurido ou irritação na região anal;

• Hemorragia (também conhecida por retorragia).

Na presença de um destes sintomas, é recomendável a avaliação de um médico.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.