Criado pela Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos e patrocinado pelo Banco Carregosa, o galardão pretende, segundo Miguel Guimarães, presidente da SRNOM, “estimular e premiar a investigação clínica em Portugal, uma realidade emergente no país, mas uma das áreas com maior potencial de crescimento, ao nível científico, assistencial e económico, fruto do continuado investimento e consolidação dos recursos técnicos e humanos”.

Com coordenação científica de Sobrinho Simões, recentemente considerado o patologista mais influente do mundo, o prémio irá atribuir ao vencedor 20 mil euros, sendo os restantes cinco mil divididos por duas menções honrosas.

Na cerimónia de assinatura do protocolo entre as duas instituições, Miguel Guimarães acrescentou que o prémio destina-se a projetos que se encontrem em curso e os concluídos, desde que há menos de um ano relativamente à data da sua proposta.

Será condição de elegibilidade a publicação e divulgação dos trabalhos ou dos resultados, em uma ou mais revistas das especialidades em causa, indexadas e com índice de impacto.

As propostas de candidatura ao Prémio Banco Carregosa/SRNOM deverão ser entregues em impresso próprio na Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos, devidamente instruídas com toda a documentação necessária à demonstração e comprovação do trabalho desenvolvido e dos resultados alcançados.

Os vencedores serão conhecidos a 15 de setembro, nas comemorações do Dia do Serviço Nacional de Saúde.

O Prémio Banco Carregosa/SRNOM terá uma periodicidade anual, devendo o Banco Carregosa e a SRNOM decidir, até 15 de janeiro de cada ano civil, da sua atribuição, da sua finalidade e do montante pecuniário.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.