Mais de 8.680.640 casos de infeção foram diagnosticados até agora em 196 países e territórios, dos quais pelo menos 4.029.700 foram considerados curados.

O número de casos diagnosticados apenas reflete, contudo, uma fração do número real de contaminações. Alguns países só testam os casos graves, outros utilizam os testes como prioridade para rastreamento e muitos países pobres têm uma limitada capacidade de despistagem.

Os Estados Unidos, que registaram a primeira morte ligada ao coronavírus no início de fevereiro, são o país mais afetado tanto em número de mortos como de casos, com 119.131 mortos para 2.222.576 infetados. Pelo menos 606.715 pessoas foram declaradas curadas.

Os seguintes países mais afetados são o Brasil com 48.954 mortos para 1.032.913 casos, o Reino Unido com 42.461 mortos (301.815 casos), a Itália (34.561 mortos e 238.011 casos) e a França (29.617 mortes e 195.953 infetados).

A China (sem contar com os territórios de Hong Kong e Macau) regista um total de 83.352 casos (27 nas últimas 24 horas), incluindo 4.634 mortos (0 novos) e 78.410 curados.

A Europa totaliza, até à presente data, 192.158 mortos para 2.500.091 casos, os Estados Unidos e o Canadá 127.518 mortos (2.323.141 casos), a América Latina e as Caraíbas 91.377 mortos (1.959.837 casos), a Ásia 28.022 mortos (980.592 casos), o Médio Oriente 13.109 mortos (621.260), África 7.661 mortos (286.882 casos) e Oceânia 131 mortos (8.846 casos).

Este balanço foi realizado a partir de dados recolhidos pelas delegações da AFP junto das autoridades nacionais competentes e de informações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.