Os investigadores conseguiram obter o efeito "antiobesidade", primeiro em ratinhos e depois em macacos. Sabendo de antemão pela literatura científica que o recetor do peptídeo inibidor gástrico (GIP), ou peptídeo insulinotrópico dependente de glicose, é promotor da obesidade, os cientistas desenvolveram um anticorpo dirigido especificamente a esse recetor.

10 mutações genéticas que são autênticos super poderes
10 mutações genéticas que são autênticos super poderes
Ver artigo

Uma versão humana do anticorpo (denominada hGIPR-Ab) promoveu a perda de peso em macacos obesos, um efeito que foi melhorado quando foi adicionado um tratamento aprovado para a diabetes de tipo 2. Segundo os autores do estudo publicado na revista Science Translational Medicine, esta poderá ser uma potencial terapia para a obesidade, embora o estudo esteja ainda numa fase preliminar.

Elizabeth Killion, investigadora no Departamento de Distúrbios Cardiometabólicos na biofarmacêutica norte-americana Amgen, coordenou o trabalho. Os cientistas "administraram este anticorpo a modelos ratos obesos e descobriram que os roedores apresentavam uma redução média na massa de gordura de 37%, assim como níveis mais baixos de glicose no sangue e triglicerídeos (frequentemente um indicador de doença hepática gordurosa)", lê-se no resumo do artigo.

Perda de peso também em macacos

A versão humana do mesmo anticorpo (a hGIPR-Ab) promoveu uma perda de peso em macacos obesos, um efeito que foi melhorado quando se adicionou nesta receita um ingrediente chamado "dulaglutida", um tratamento aprovado para diabetes.

Essa perda de peso não provocou danos no organismo deste modelo animal, nomeadamente ao nível do funcionamento do pâncreas que continuou a apresentar função normal.

10 partes do corpo sem as quais podemos viver
10 partes do corpo sem as quais podemos viver
Ver artigo

Voltando à "dulaglutida", este ingrediente é descrito no artigo como um promotor da ação do recetor de GLP-1, um regulador natural da glicose.

De acordo com os cientistas, "os dados fornecem uma validação pré-clínica de uma abordagem terapêutica para tratar a obesidade com anticorpos anti-GIPR".

A obesidade é um problema de saúde pública que afeta cerca de 650 milhões de pessoas em todo o mundo. Em Portugal, estima-se que pelo menos 30% da população tenha excesso de peso.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.