Segundo os cientistas, tomar este tipo de bebidas ácidas entre refeições e saboreá-las aumenta o risco de erosão dentária. No estudo publicado no "British Dental Journal", os investigadores analisaram a dieta de 300 pessoas com erosão dentária severa.

De acordo com a análise, as bebidas concentradas, chás de frutas, refrigerantes diet, sumos com açúcar e águas aromatizadas são considerados bebidas ácidas e podem corroer os dentes. O risco de ficar com o esmalte dentário danificado é ainda maior quando o consumidor passa "muito tempo a beber e a saborear estas bebidas antes de as engolir", frisa a investigação.

12 outras utilizações que pode dar à pasta de dentes
12 outras utilizações que pode dar à pasta de dentes
Ver artigo

Por outro lado, os cientistas responsáveis pelo estudo adiantam que os refrigerantes sem açúcar são quase tão erosivos como os que contêm açúcar. O vinagre e conservas também podem agravar a erosão dentária.

"Se toma bebidas [ácidas] por longos períodos de tempo, por mais de cinco minutos, por exemplo, ou se brinca com a fruta nos dentes antes de a ingerir, isso pode realmente deteriorar a sua dentição", alerta Saoirse O'Toole, do Instituto de Medicina Dentária do King's College, uma das autoras citada pela BBC.

"Depois de comer uma maçã, tente não ingerir nada ácido ao final do dia", recomenda. "Se vai tomar vinho à noite, não tome chá de fruta no dia seguinte. É só equilibrar a dieta", afirma.

Bebidas e refeições: o que escolher?

Os investigadores descobriram que as pessoas que bebem água com rodelas de limão ou chá quente de fruta entre as refeições tinham 11 vezes mais hipóteses de apresentar erosão dentária média ou severa. No entanto, esse número baixava para metade quando as bebidas eram ingeridas durante as refeições.

10 coisas que sempre quis perguntar ao dentista (mas teve vergonha)
10 coisas que sempre quis perguntar ao dentista (mas teve vergonha)
Ver artigo

Segundo Russ Ladwa, do comité de saúde e ciência da Associação Britânica de Medicina Dentária, tomar bebidas ácidas durante uma refeição minimiza os danos porque mastigar comida aumenta a produção de saliva que é alcalina e anula a acidez.

"Deveríamos promover o consumo de bebidas sem as saborear por um longo período, como se fossem um shot, e limitar assim os refrigerantes às refeições", diz.

O uso de palhinhas nas bebidas também pode evitar que o ácido das mesmas entre em contacto com os dentes. Ladwa recomenda ainda beber água e bebidas nutritivas como o leite, além de alimentos que neutralizam o ácido, como o queijo.

O estudo elenca um conjunto de bebidas ácidas - álcool, chá de fruta, água aromatizada, sumos concentrados, refrigerantes diet e bebidas adocicadas - e não ácidas - água, chá, café, leite, água com gás. Conheça algumas dessas comidas nocivas para os dentes:

A erosão dentária é a perda progressiva do revestimento dentário por processos químicos que não envolvem a ação bacteriana.

A acidez dos alimentos e bebidas é mais relevante para a erosão do que o açúcar.

A dieta, estilo de vida, ambiente e, em alguns casos, os medicamentos podem aumentar os riscos de erosão dentária. Usar pasta de dentes com flúor, elixir e modificar a dieta pode reduzir o risco de erosão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.