“O picante tem um efeito vasodilatador temporário que favorece a circulação sanguínea e o desempenho físico… em qualquer atividade”, sublinha em comunicado o restaurante chinês Quanjude, casa afamada pelo Pato à Pequim que confeciona, assim como pela cozinha da província de Sichuan.

A 14 de fevereiro a proposta deste restaurante instalado no Parque das Nações, na capital, recai sobre uma ementa onde não faltam as “três pimentas” da China - piri-piri, pimenta de Sichuan, e pimenta preta.

Quanjude é termo que remonta a 1864, na era da Dinastia Qing, quando Yang Quanren, um vendedor de galinhas e patos da Praça Tiananmen decidiu abrir um restaurante especializado em pato assado.

Quanjude
créditos: photo by geshao37

Com o passar dos anos o restaurante apostou em criar uma receita de pato assado para servir a família imperial. A receita tornou-se um sucesso sendo posteriormente democratizada para toda a população, sendo atualmente o Quanjude uma cadeia de restaurantes na China.

Em 2017 o Quanjude chega pela primeira vez à Europa, mais concretamente a Lisboa, pela mão de um grupo de amigos.

Quanjude

Rua do Pólo Norte 1.06 2.1B, Parque das Nações, Lisboa

Contacto: Tel.: 926 033 333; E-mail: patinhasempequim@gmail.com

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.