Na fase de lançamento, a MyIced propõe larvas como uma primeira experiência exótica neste novo mundo da alimentação que nos traz para a mesa os insetos. Posteriormente, a marca sediada em Leria, considera que “poderá apresentar outras opções da gama de insetos voadores ou rastejantes”. Isto para acrescentar como cobertura a qualquer uma dos produtos comercializados, dos gelados de iogurte, aos crepes e waffles.

Os insetos comestíveis “MyIced Top Bugs” não têm, de acordo com a empresa, "antibióticos, corantes artificiais, aromatizantes, conservantes. Os insetos são desidratados através de um processo de liofilização: são congelados sob vácuo e o gelo formado é volatilizado”.

João Gouveia, gestor nacional da MyIced, destaca que a marca pretende sobretudo proporcionar novas experiências gustativas aos seus fãs: “Depois do gelado preto à base de carvão vegetal ativado (´MyIced Eclipse`) e da folha de ouro de 24 k como topping do mesmo (´MyIced Eclipse Deluxe`), os insetos ´MyIced Top Bugs` constituem uma proposta disruptiva”.

Segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura há atualmente registo do consumo humano de mais de 1900 espécies de insetos: Escaravelhos (31%), lagartas (18%), abelhas, vespas e formigas (14%), gafanhotos, cigarras, térmitas, libelinhas e moscas são outras espécies consumidas.

A MyIced tem sede em Leiria e conta atualmente com lojas em Bragança, Braga, Ponte de Lima, Viseu, Leiria, Caldas da Rainha, Setúbal, Porto e Lisboa, estando já previstas a abertura de novas lojas em Santarém e em Penafiel.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.