Por esta época chegavam ao porto de Campeche veleiros ingleses para carregar acaju e outras madeiras preciosas. As tripulações destas embarcações desciam a terra para matar a sede nos bares da praça principal. Bebiam-se então o vinho e os licores, bem como os dracs, bebidas compostas, preparadas num copo de vido grosso, mexendo-se os ingredientes com uma colher. Num dos bares, o empregado utilizava para misturar, umas raízes delgadas, finas e lisas, de uma planta conhecida como cauda-de-galo. Os ingleses, estranharam o procedimento, assim como o objecto. Relativamente a este último adaptaram o nome à sua língua. Isto é, cauda-de-galo, tornou-se cock´s tail . O nome pegou e passou-se a pedir um cocktail substituindo o drac.

O cocktail ultrapassou fronteiras, chegando às Ilhas Britânicas, de onde passou para os Estados Unidos.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.