É mesmo verdade. Utilizados conjuntamente com a prática de atividade física, uma alimentação equilibrada e um estilo de vida saudável, os produtos adelgaçantes funcionam. Contudo, não nos podemos esquecer que são apenas coadjuvantes no tratamento, pelo que, além de saber escolher os que mais se adequam ao que pretende, não basta aplicá-los e esperar. "Para um efeito adelgaçante máximo, a melhor opção é a sinergia de várias ações", sublinha a farmacêutica Ana Teresa Cruz.

"Para além da atividade anticelulítica, devem apresentar outras características de ação importantes. Devem ser drenantes, refirmantes e tensores", alerta ainda esta especialista, que fez um mestrado na área dos anticelulíticos. Para algumas mulheres, o problema é a celulite. Para outras, é a falta de firmeza e, para outras ainda, o excesso de volume. Três problemas distintos que podem causar muitas dúvidas relativamente à escolha do produto certo, até porque a oferta no mercado é grande.

Os cosméticos que quem se preocupa com a saúde do planeta deve usar
Os cosméticos que quem se preocupa com a saúde do planeta deve usar
Ver artigo

Contudo, há substâncias que obtêm melhores resultados em cada um dos casos. Para tratar a celulite, a cafeína deve ser sempre a primeira escolha, pelo que é importante optar por produtos de marcas especialistas neste tipo de ação. A teofilina e a teobromina são outros exemplos clássicos. Para devolver a firmeza à pele, a hera-trepadeira, o silício orgânico, o centeio e a glaucine são os princípios ativos a procurar. Para perder volume, a escina, uma sustância que é retirada do castanheiro-da-índia, é uma opção segura, assim como o ginkgo biloba, o ruscus e a teofilina, muitas vezes proveniente do chá verde. Todos eles são bastante eficazes.

Há que ter em conta também que "tão importante como as substâncias a encontrar, são os lugares que ocupam nas fórmulas. Os componentes estão identificados, nos rótulos, do mais concentrado para o menos concentrado. Logo, se um produto referir que contém cafeína e, na disposição dos seus componentes, esta se encontrar entre os últimos, é porque se trata de publicidade enganosa e a quantidade de substância na formulação é muito pequena para se obter qualquer efeito", adverte a farmacêutica.

Como aplicar estes cosméticos para potenciar a sua ação

O primeiro passo é fazê-lo sempre de acordo com as indicações aconselhadas pelo fabricante na embalagem. "Por norma, recomendam-se movimentos ascendentes nos membros inferiores e superiores e circulares nas ancas, nas coxas e nas nádegas", refere Ana Teresa Cruz. "Inicialmente, deve aplicar esses produtos duas vezes por dia, de manhã e à noite, durante dois meses", esclarece. Depois, uma vez por dia, será suficiente como manutenção. Para sempre", garante ainda Ana Teresa Cruz.

Os suplementos são uma alternativa a considerar?

Sim, têm um efeito positivo, assegura a especialista. Em particular, os que contêm substâncias com uma ação diurética oferecem uma melhoria imediata na retenção de líquidos. No entanto, apresentam duas grandes desvantagens relativamente aos tratamentos tópicos. Além de nem todas as pessoas os poderem tomar, tem o problema da cafeína, a principal substância ativa com atividade lipolítica, não poder ser usada em tratamentos orais, por apresentar contraindicações a nível sistémico.

Texto: Madalena Alçada Baptista com Ana Teresa Cruz (farmacêutica)

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.