Na intervenção que fez no início de uma audição no âmbito da discussão na especialidade do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) Ana Catarina Mendes disse que mais de 30% dos refugiados que vieram da Ucrânia são crianças à data de hoje “mais de 4.100 já foram matriculadas nas escolas portuguesas, ao mesmo tempo que 9.000 ucranianos se inscreveram no IEFP”.

A governante socialista acrescentou que mais de 35.000 refugiados ucranianos já têm número de segurança social e que 32.000 já têm número de contribuinte.

Na opinião da ministra, os números demonstram que a resposta do país foi “pronta, célere, e em parceria com todas as instituições do Estado”.

A audição a Ana Catarina Mendes ocorre em simultâneo nas comissões de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, de Orçamento e Finanças, e de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto.

A proposta de Orçamento do Estado para 2022 apresentada pelo executivo socialista vai ser discutida na especialidade entre os dias 23 e 25 de maio. A votação final global está agendada para 27 de maio.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.