"Na sequência das medidas de promoção do acesso à igualdade de oportunidades e de promoção do sucesso escolar, o município da Guarda vai atribuir apoios económicos a cerca de 1.350 alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico (CEB) no ano letivo 2018/2019, no âmbito da Ação Social Escolar, no valor de cerca de 65 mil euros", anunciou hoje a autarquia em nota enviada à agência Lusa.

Alecrim pode ajudar estudantes a ter boas notas
Alecrim pode ajudar estudantes a ter boas notas
Ver artigo

Segundo o município presidido por Álvaro Amaro, "esta é uma das formas da autarquia atenuar as despesas educacionais aos agregados familiares do concelho".

Rede de apoio à família

Para além destes apoios, a autarquia da Guarda disponibiliza também a todas as crianças que frequentam a rede pública de ensino pré-escolar e do 1.º CEB do concelho uma Rede de Componentes de Apoio à Família, que inclui Atividades de Animação e de Apoio à Família e Rede Municipal de ATL.

A referida rede municipal acolhe as crianças em horários não letivos, de manhã e de tarde, e assegura o fornecimento de refeições.

Na nota é ainda anunciado que no ano letivo de 2018/2019 o município vai continuar a garantir o transporte escolar dos alunos do 1.º, 2.º e 3.º ciclos e do ensino secundário, "quando a distância da residência ao estabelecimento de ensino frequentado é superior a três ou quatro quilómetros" e "dependendo se o mesmo está ou não equipado com cantina/refeitório".

O município da Guarda, que integra a Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadoras, garante que "continua dedicado no apoio ao aluno, ao educador e às famílias para que a Educação aconteça".

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.