Soraia Chaves esteve hoje à conversa com Júlia Pinheiro onde falou de assuntos mais pessoais, nomeadamente, a depressão que sofreu aos 27 anos de idade, logo após o lançamento do filme 'Call Girl'.

"Estas questões de saúde mental ainda são vistas como um estigma. [...] A minha experiência pessoal diz-me que as pessoas demoram muito tempo a reconhecer um problema por causa da estigmatização dos outros", nota.

Entretanto, falou do seu caso: "Comecei a acreditar que era assim. Tinha momentos de depressão associado à melancolia. Sofri muito".

Soraia sublinha que a doença é algo que deverá ser tratado, após um reconhecimento necessário do problema e da sua partilha para com os mais próximos. "Foi um combate. O mais importante é reconhecer que se tem um problema, partilhar e procurar ajuda", afirmou.

Leia Também: Soraia Chaves mostra caracterização para nova série da SIC

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.