Jorge Corrula usou as suas redes sociais para se mostrar descontente com as novas medidas de confinamento, apresentadas esta quarta-feira pelo governo português para o combate à Covid-19, e particularmente com o facto de teatros e espaços culturais terem de permanecer fechados a partir de sexta-feira.

A publicação do ator motivou diversas reações de outros artistas, entre eles Marta Melro.

"Como disse alguém que li nas redes sociais: Somos um país de Fátima e futebol, o Fado está morto", cita a atriz, deixando claro o seu desagrado.

Leia Também: "Morre-se do incumprimento. Morre-se da ignorância. Morre-se sem teatro"

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.