Rita Ora fez um pedido de desculpas aos fãs que criticaram a letra do seu mais recente single - ‘Girls’, lançado na passada semana. Foram várias as pessoas que a acusaram de explorar a sua bissexualidade e desta forma promover-se.

Artistas como é o caso de Kehlani e Hayley Kiyoko teceram duros comentários chegando a classificar a música como “perigosa”. Perante a discórdia, a cantora fez um comunicado a esclarecer o assunto.

"'Girls' foi escrito para representar uma verdade e é um relato preciso de uma experiência muito real e honesta da minha vida. Eu tive relacionamentos românticos com mulheres e homens ao longo da minha vida e esta é minha caminhada pessoal. Sinto muito se a forma como eu me expressei na minha música tenha magoado alguém. Eu nunca causaria danos intencionalmente a outras pessoas LGBTQ. Pensando no futuro, espero que se eu continuar a me expressar através da minha arte isso faça os meus fãs sentirem-se orgulhosos de si mesmos como eu estou aprender a me sentir sobre quem eu sou", revelou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.