Esta quarta-feira, dia 15, neste que é o seu 35.º dia de quarentena, Rita Ferro Rodrigues celebra uma data especial: o aniversário do falecido avô Eduardo.

Como tem sido um hábito diário, a apresentadora relatou mais um dia de isolamento social nas redes sociais e a publicação de hoje foi dedicada ao familiar.

"Na imagem uma criança e o seu pai. A criança - muito alta - não teria mais de 9 anos à altura do retrato. A idade do meu filho. O pai morreria pouco tempo depois. A criança faria hoje 96 anos. Era o meu avô Eduardo", escreveu na legenda de uma memória do familiar em criança.

E rematou com a dedicatória de um poema de Daniel Faria:

"Poema explicação da ausência / Desde que nos deixaste o tempo nunca mais se transformou / Não rodou mais para a festa não irrompeu / Em labareda ou nuvem no coração de ninguém / A mudança fez-se vazio repetido / E o a vir a mesma afirmação da falta / Depois o tempo nunca mais se abeirou da promessa / Nem se cumpriu / E a espera é não acontecer – fosse abertura – E a saudade é tudo ser igual".

Leia Também: Rita Ferro Rodrigues assume cabelos brancos na quarentena

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.