Na passada sexta-feira, dia 24, a PETA – organização não governamental de defesa do ambiente e dos direitos dos animais – enviou uma carta aos herdeiros de Aretha Franklin a pedir que doassem a sua coleção de peles para um programa de defesa dos animais e humanos.

Segundo um comunicado feito pela PETA, as peles iriam destinar-se a pessoas abrigadas em campos de refugiados e sem abrigo. Para além disso, as peças poderiam ainda ser enviadas para instituições de reabilitação para que servissem de camas para os animais órfãos.

Nomes como Mariah Carey, Mary Tyler Moore e Sharon Osbourne estão entre as celebridades que doaram as suas peles para o programa.

“Ao doar os casacos de pele à PETA, a família pode expandir o seu legado de justiça social para com os animais”, explicou a presidente executiva da associação, Tracy Reiman. “Enquanto não podemos trazer os animais de volta que sofreram e morreram por eles, estes casacos podem ajudar outros ao providenciar o calor tão preciso pelos animais ou humanos que estão desesperados”, defende.

Até ao momento, ainda não se sabe se os herdeiros irão aceder ao pedido.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.