Não é novidade para ninguém que Madonna sempre defendeu a liberdade do corpo feminino, assim como a apreciação da sua beleza e o respeito por ele. Esta quarta-feira, na sua conta de Instagram, a artista publicou uma fotografia na qual surge nua, explicando na legenda da mesma a história que lhe deu origem.

“Com 19 anos. A viver em Nova Iorque. Uma estudante na Escola de Dança Martha Graham. Fui modelo para escolas de arte em toda a cidade para pagar a renda. Em aulas de pintura, desenho e fotografia”, começa por contextualizar.

“Muitas dessas fotografias foram vendidas à Playboy ou à Penthouse quando me tornei famosa. Os fotógrafos exploraram-me e depois o patriarcado tentou envergonhar-me por estar nua”, critica.

“Eu disse à imprensa ‘que não tinha vergonha’ e isso tornou-se manchete de notícias. E isto transformou-se numa colaboração entre [Andy] Warhol e [Keith] Haring! Sou uma orgulhosa dona destes quatro quadros. Foram-me dados mais tarde como presente de casamento. Não podem parar a arte ao tentar envergonhá-la. A criação vence sempre”, completa.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.