Tal como todas as mães, também Kate Middleton passou por uma série de desafios assim que foi mãe pela primeira vez. Conforme nota a imprensa internacional, um dos primeiros dilemas surgiu logo após o nascimento do príncipe George, em 2013, neste caso, com a escolha do nome do menino.

George Alexander Louis acabou por ser a escolha final, contudo, de acordo com o The Mirror, a duquesa de Sussex tinha pensado numa outra coisa inicialmente.

A especialista em realeza Katie Nicholl afirmou que os duques de Cambridge não quiserem saber o sexo do bebé antes do seu nascimento. "A Kate suspeitava que era um rapaz e já tinha no seu coração o nome Alexander", afirma.

Mais tarde, Kate e William decidiram homenagear o pai da rainha, o rei George VI ao batizarem o primeiro filho com este nome. No entanto, a escolha da duquesa acabou por permanecer como sobrenome.

Leia Também: William e Harry ficarão "zangados" com documentário sobre a mãe, Diana

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.