Por vezes, mesmo que sejam das estrelas mais populares, não é esse o caminho que os atores querem seguir. E foi o que aconteceu com Jim Parsons, o famoso Sheldon Cooper de 'A Teoria do Big Bang'.

O ator decidiu afastar-se da série, depois de ter vivido 12 temporadas. O que significa que o projeto acabaria após as 12 temporadas, pois seria estranho continuar sem Sheldon.

Uma decisão que o artista comentou durante uma entrevista dada ao The Hollywood Reporter.

Inicialmente, Jim confessou que foi a primeira vez que sentiu que "podia não querer fazer outro contrato depois da 12.ª temporada chegar ao fim". "Não sei se é porque sou [do signo] carneiro ou apenas porque talvez tenha refletido comigo mesmo. Seja o que for, depois de ter tido esse pensamento fiquei do género: 'Essa é a resposta'", lembrou, abrindo o coração para falar abertamente sobre o sucedido.

"Não havia nenhum fator, nenhuma situação em que tivesse pensado que [o tempo da série] já tinha sido o suficiente. Não! Não era nada disso. É que... quando uma pessoa sabe, tu sabes. Nós ficamos susceptíveis aos caprichos da nossa própria existência e quando chegamos a uma certa idade a vida muda. É fascinante pensar quem eu era há 12 anos e, às vezes, quando tenho dificuldade em decorar ou dizer uma fala do Sheldon, agora, é difícil saber o porquê. Acho que é porque não sou a mesma pessoa que era antes. Há uma possibilidade de isso se tornar mais difícil para nós de alguma forma. E eu não sei o que é que isso significa, mas é como se tu simplesmente mudasses", acrescentou.

Por sua vez, o co-criador da série, Chuck Lorre, disse que não conseguia imaginar manter a 'A Teoria do Big Bang' sem Sheldon.

De referir que o último episódio da série é exibido esta quinta-feira, dia 16 de maio.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.