Matías Horacio Messi, de 36 anos, irmão do famoso jogador de futebol, foi condenado a dois anos e seis meses de pena suspensa por transportar ilegalmente uma arma de fogo. A condenação não contempla a ida efetiva de Matías para a cadeia, uma vez “não se conseguiu determinar que andava com a arma para fins ilícitos”, adiantou o jornal Clarín.

A decisão surgiu na sequência de um acidente misterioso que aconteceu no passado dia 1 de dezembro. Naquela dia, Matías atracou uma lancha num clube de pescadores da localidade argentina Fighiera, com o rosto ensanguentado derivado de diversos cortes. Na época, um segurança privado explicou que ao atracar o barco, Matías tinha-se desequilibrado e magoado, contudo isto não convenceu o guarda que relatou o episódio às autoridades.

Posteriormente, a polícia investigou detalhadamente a embarcação e foi nessa altura que encontraram a pistola.

A condenação estabelece que o irmão do craque não está autorizado a sair da Argentina e que terá de trabalhar voluntariamente, oito horas por mês, numa escola de futebol de Los Leones, sua cidade natal.

Notícias ao Minuto

© Twitter/Matías Messi

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.