Não há nada de romântico em relação aos acordos pré-nupciais, no entanto, esta é uma prática comum entre os casais de milionários.

Mas esta 'regra' não se aplicou em relação ao caso de Harry, dono de uma fortuna avaliada em 30 milhões de libras, cerca de 33 milhões de euros.

Segundo o jornal The Sun, tanto o príncipe como a rainha não insistiram para que Meghan Markle assinasse um acordo deste género. Aliás, a publicação adianta igualmente que três dos quatro filhos da monarca que se divorciaram também não fizeram acordos.

“Não acho que os membros da família real assinem acordos pré-nupciais”, afirmou Katie Nicholl, autora do livro ‘Harry: Life, Loss, and Love’. “É algo comum entre as celebridades, mas este não é um casamento de celebridades, é um casamento real”, sublinha.

De recordar que no caso da princesa Diana, que se divorciou do príncipe Carlos em 1996, a mãe de Harry e William saiu do casamento com uma quantia de 17,5 milhões de libras (19 milhões de euros) e ainda com o direito a viver no Palácio de Kensington com os filhos.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.