Ainda há uma semana foi condenado a três meses e meio de prisão por incitamento ao terrorismo, calúnias e injúrias graves contra a coroa espanhola, mas não lhe serviu de lição. Valtònyc, um rapper espanhol de 24 anos, natural da ilha de Maiorca, voltou ontem à carga, publicando nas redes sociais um novo vídeo que está a causar polémica. "Vai e diz-lhes que tenho milhares de mísseis apontados a sua majestade", rapa.

"Mais de metade do povo deu-me poderes para acabar com a sua estirpe" e "Sou mais temido do que uma espingarda carregada apontada à nuca" são outras das frases que estão a ser alvo de críticas. O vídeo, com cerca de três minutos de duração, mostra imagens das cargas policiais que marcaram o dia do referendo da independência da Catalunha e do monarca à mesa com a mulher e as filhas no dia em que fez 50 anos.

Em entrevista ao jornal El Español, antes da detenção, Josep Miquel Arenas Beltrán justificou o seu tipo de escrita. "As minhas letras são exageradas para não serem levadas a sério", justifica. Depois do anúncio da confirmação da sua detenção, no passado dia 20, Valtònyc viu o seu mediatismo disparar em flecha. Só nos últimos dias, foi confirmada a sua presença em 30 festivais e foram adicionadas 70 datas à sua próxima digressão.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.