Kanye West solicitou ajudas de estado e recorreu a layoff para a sua empresa, a Yeezy. De acordo com o jornal Los Angeles Times foi aprovada uma ajuda entre os 2 a 5 milhões de dólares.

A notícia gerou grande estranheza, uma vez que a marca é considerada de grande sucesso na indústria da moda. Contudo, consta que esta decisão foi tomada para assegurar 106 postos de trabalho que ficaram em risco com a pandemia da Covid-19.

Importa lembrar que Kanye West tem estado nas 'bocas do mundo' com o anúncio, realizado este fim de semana, de que se iria candidatar à presidência dos Estados Unidos.

Leia Também: Candidatura de Kanye West à presidência já teve efeitos... e não são bons

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.