Recentemente, forma divulgadas nas imprensa mensagens antigas de Camila Cabello que levaram a que fosse acusada de racismo.

Em declarações ao jornal The Times, a cantora confirmou que print screens são mesmo seus e que foi ela quem escreveu o seu conteúdo. Contudo, Camila justificou os termos racista, que usou para se referir a Barack Obama e Normani Kordei, com o facto de ser muito jovem na época em que tudo aconteceu.

"São conversas de quando eu estava no 'Factor X US' e ainda estava a aprender o que era certo ou errado", declarou a artista, que na altura tinha apenas 15 anos.

Notícias ao Minuto

© Reproduções Instagram

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.