Cinco meses após ter falecido (28 Junho) na sequência de um violento acidente de viação, Angélico Vieira acaba de salvar uma criança de 7 anos.

O ex-D’ZRT era dador de órgãos e isso permitiu que um dos seus rins fosse transplantado para uma criança que sofria de insuficiência renal crónica.

“Graças à doação de um rim de Angélico Vieira, foi possível salvar a vida a uma criança que estava a realizar hemodiálise”, revela fonte do Hospital de Santo António, do Porto, à revista “TV Guia”.

“A insuficiência renal crónica é dramática para qualquer doente e ainda mais para uma criança. Felizmente foi possível transplantar o rim do Angélico para uma criança que deixou de sofrer com o processo de hemodiálise”, reforça a mesma fonte. Na prática, a criança vai deixar de realizar as três sessões semanais de hemodiálise de quatro horas cada.

Além dos rins, Angélico Vieira doou também o pâncreas, o fígado, o coração e os pulmões. “Só não doou a pele, porque tinha várias tatuagens no corpo”, explica fonte do hospital.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.