Já foram revelados os resultados da investigação feita pelo FBI sobre o acidente que aconteceu no set de gravações do filme ‘Rust’, a 21 de outubro do ano passado, no Novo México, Estados Unidos.

A ABC News noticia que a arma que matou a cineasta Halyna Hutchins, de 42 anos, “não poderia disparar sem que fosse premido o gatilho”.

Em declarações anteriores, Baldwin argumentou que pensava que estava com uma arma sem balas verdadeiras (e sim de pólvora seca) quando atirou contra Halyna, chegando mesmo a dizer que não premiu o gatilho.

Contudo, as declarações do ator foram agora negadas pelos resultados da investigação.

Recorde-se que também o realizador, Joel Souza, ficou ferido no incidente, o que levou ao seu internamento nos cuidados intensivos.

Leia Também: O vídeo do momento em que Alec Baldwin soube que matou Halyna Hutchins

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.