Já se alonga há vários meses a luta judicial entre Shakira e a procuradoria espanhola, que a acusa de não ter pago impostos num valor superior a 13 milhões de euros.

Segundo o TMZ, que teve acesso a alguns dos documentos em análise pela justiça espanhola, a cantora acusa os procuradores de levarem a cabo uma “campanha de difamação”, alegando que os mesmos “violaram o seu direito à privacidade” ao tornarem o caso público, ignorando por completo a sua “presunção de inocência”.

Nos mesmos documentos, a defesa de Shakira alega que os impostos em dívida não foram pagos dado que, na altura temporal em análise, a cantora não vivia em Espanha. De acordo com a lei local, a artista só seria obrigada a pagar sobre os seus rendimentos caso tivesse passado mais de 183 dias do ano fiscal no país.

Leia Também: Primeiro Dua Lipa e Rod Stewart, agora Shakira. Cantores boicotam Mundial

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.