"Há muitos anos que tenho uma relação especial com inúmeras marcas portuguesas. Gosto de as ajudar, de mostrar a quem me segue coisas giras, novas, de gente empreendedora e talentosa. Acredito que tenho ajudado muitas marcas a crescer e isso deixa-me mesmo feliz. Nem sempre me foi possível ajudar todas as marcas que me abordam, mas juro que fui dando o meu melhor. E foi precisamente esse o ponto de partida para este novo projecto que hoje nasce, a 'Pips Bazaar'", começou por escrever 'A Pipoca Mais Doce' na sua página de Instagram.

Um projeto que "vai surgir depois do verão, com a ambição de se tornar na maior loja online de marcas portuguesas de moda, acessórios, moda infantil e decoração", como destacou de seguida.

"Com uma diferença em relação ao que já existe no mercado: será a primeira loja directamente ligada a uma influenciadora digital, que venderá artigos de que verdadeiramente gosto, que recomendo, que gostaria de ter, que quero usar", acrescentou, referindo que "será um projeto de e-commerce de grande dimensão, pensado para arrancar com 100 marcas portuguesas".

"Durante as últimas semanas, apresentámos a Pips Bazaar a todas as marcas portuguesas de que gosto (e foram mais de 200), e a resposta de quase todas foi imediata: queremos estar presentes. Problema: só tínhamos 100 vagas, e sabíamos que iriam esgotar na hora. Assim, decidimos integrar no projeto mais 50 novas marcas. Hoje, ao meio-dia, abrimos oficialmente as candidaturas a todos e o resultado foi incrível: em dois minutos, praticamente preenchemos as 100 vagas. Que orgulho! Criámos mais 50 vagas, que já estão a ser preenchidas, ainda sem termos comunicado nada ao mercado. Ainda há vagas, mas poucas", revelou.

Veja a publicação na íntegra:

Leia Também: Sónia apanhada a mentir em debate com 'Pipoca Mais Doce'?

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.