"'Estou aqui, amo-te e vou cuidar de ti'. Estas foram as únicas palavras que me ocorreram quando soubemos que a Halyna tinha morrido. Lembro-me de as repetir inúmeras vezes". Foi desta forma que Hilaria Baldwin começou uma recente publicação que fez na sua página de Instagram, onde mostra publicamente o seu apoio ao marido, Alec Baldwin.

Junto de uma fotografia do casal a beijar-se, Hilaria acrescentou: "A horrível perda, a tortura para a família dela e para ti, meu marido, de alguma forma criaram este pesadelo impensável. Naquele momento, está gravado na minha memória, fotógrafos ao teu redor, tu ao telefone comigo, a documentar a tua agonia".

Na mesma publicação, diz ainda que "viu o seu espírito a ser destruído, a saúde mental destruída, na alma uma dor inimaginável".

"Às vezes pergunto-me quanto é que um corpo e uma mente podem aguentar. Não te quero perder. [...] Estou orgulhosa de ti", continuou, falando depois das "fofocas" e "conspirações" após o acidente. "Deixei de falar por causa do medo. Tu sempre me encorajaste a falar, a usar a minha voz, a ser verdadeira. Estavas certo e continuas a inspirar-me", escreveu.

"[...] Volto para te dizer: 'Estou aqui, amo-te e vou cuidar de ti'. Honramos a Halyna e a sua família. Temos de descobrir como é que isto aconteceu e tudo o que podemos fazer para garantir que nunca mais aconteça. Meu Alec, estou aqui para curar qualquer dor que eu puder. Não vou a lado nenhum", pode ainda ler-se no mesmo texto.

Veja a mensagem na íntegra:

Leia Também: Alec Baldwin admite que trágico acidente pode ditar fim da sua carreira

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.