A primavera bate à porta, mas não são só os dias que se iluminam e as plantas que florescem. Isto porque esta época do ano é também rica em algo que incomoda grande parte da população portuguesa: as tradicionais alergias.

Por isso, a Loja do Condomínio deixa-lhe algumas dicas para que possa viver a primavera sem constrangimentos e para que as alergias fiquem, realmente, fora de sua casa.

Feche as janelas

Sim, parece um contras senso fechar as janelas quando os dias estão mais quentes, mas, sobretudo naqueles dias em que a concentração de pólen é maior, convém que as deixe bem fechadas.

Reforce a limpeza

Claro que é essencial mantermos a casa limpa ao longo de todo o ano, mas, na época das alergias, é ainda mais importante reforçar esta preocupação. O pó agrava os sintomas alérgicos, pelo que o ideal será se conseguir inclusivamente passar um pano pelos móveis todos os dias.

Vai aspirar? Cuidado!

Se sofrer de alergias e tiver de aspirar a casa, é preciso ter muito cuidado, porque o aspirador pode deixar ‘escapar’ algumas poeiras que aumentarão os sintomas alérgicos. Assim, para além de ser necessário que se faça a manutenção (e limpeza) regular do equipamento, é essencial que use uma máscara enquanto o utiliza.

Atenção às árvores do jardim

Tem a sorte de ter um jardim em casa? Então, cuidado com o chamado “pó dos pinheiros”, que é tão habitual nesta altura e que, mais uma vez, piora bastante os sintomas (já difíceis) das alergias. Se for possível, fale com um jardineiro para equacionar a poda das árvores do seu jardim nesta altura do ano.

Reduza ao máximo tapetes e tecidos

Claro que os tapetes e as mantas são um toque especial de decoração, além de que são grandes aliados dos dias mais frios de inverno. Mas eles também são fontes de acumulação de pó e ácaros, pelo que na primavera o ideal é retirá-los da casa e guardá-los no sótão ou na arrecadação até que os dias frios regressem.

quarto
créditos: Pixabay

Tome banho à noite

Pode ter o hábito de tomar o seu banho de manhã, mas, se sofre de alergias, o ideal é que o passe a fazer à noite. Isto porque o banho elimina o pó e o pólen, evitando assim que os ‘passe’ para os lençóis quando se deita.

Roupa a secar no exterior? Sim, mas...

Sim, é verdade que o bom tempo traz esta vantagem: a roupa pode secar rapidamente e no exterior de casa – seja num quintal, jardim ou até no estendal da janela. Mas, quando sofremos de alergias, devemos ter cuidado com este processo.

A roupa estendida no exterior pode ficar ‘contaminada’ por poeiras e pólen, aumentando a probabilidade de alergias. Portanto, roupa no exterior sim, mas apenas durante o tempo necessário.

Mude as roupas de cama com mais frequência

Os lençóis e as mantas das nossas camas são grandes fontes alérgicas, pelo que o ideal é aumentar a frequência com que os lavamos – e garantir que estes têxteis são lavados a temperaturas superiores a 55º.

Aposte em refeições ainda mais saudáveis

Ou seja, aposte numa alimentação que reforce o seu sistema imunitário – como acontece com os alimentos lácteos, as frutas e os legumes – de modo a aumentar a sua resistência física e orgânica a estas tradicionais alergias de primavera.

Com estes cuidados, será com certeza mais fácil passar por esta estação sem os desagradáveis sintomas que as reações alérgicas costumam trazer.

Fonte: Loja do Condomínio

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.