Em 2023 estamos a vivenciar uma energia de abertura de horizontes, de mais liberdade e fluidez, e por isso proponho que nos deixemos levar pelo sentimento e intuição. Que as coisas possam acontecer por sincronicidade e não por contrato.

Em dezembro a energia que se junta é a do Lago, que nos orienta para resultados, para a qualidade e para os prazeres da vida.

Vamos estar também com especial foco na libertação ou no abrir de horizontes sobre os assuntos ligados à energia feminina, à maternidade, e à nossa mãe.

É também uma fase que ajuda a soltar ou a viver a energia dos relacionamentos de uma forma mais livre e fluida.

Pode neste mês sentir-se alguma tensão com os mais velhos ou os nossos antepassados, ou antigas formas de estar.

Podem também surgir conflitos ou mal entendidos entre irmãos ou com assuntos relacionados com as crianças.

Pode haver pouca flexibilidade com grupos ou coletividades se vivermos uma energia de controlo, mas pode também sentir-se um grande apoio e sentido de direção de grupo se vivermos pela confiança.

Esta é uma boa fase para aceitar desafios de trabalho, assim como também somos chamados a fazer um trabalho mais introspetivo no sentido de limpar e curar o nosso interior.

Proponho que neste mês organizem a vossa casa e a vossa vida de modo a atrair situações que possam contribuir para o conforto, estabilidade e segurança.

Alexandre Gama
www.alexandregama.com

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.