Na União Europeia, as mulheres ganham, em média, 17,5% menos do que os homens ao longo da vida, revela a Comissão Europeia (CE) em comunicado.

Este dado será destacado, amanhã, durante o primeiro Dia europeu da igualdade salarial a nível da UE. O dia 5 de Março assinala o número de dias extra que as mulheres têm de trabalhar, em 2011, para atingir o mesmo montante de remuneração que os homens auferiram em 2010.

A CE refere estar empenhada em colmatar as disparidades salariais entre homens e mulheres, tendo sido publicada uma estratégia global sobre a igualdade de género em Setembro de 2010.

O Dia Europeu da Igualdade Salarial deste ano, que pretende chamar a atenção para a disparidade salarial, ocorre antes do Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de Março.

«Na Europa, 97 milhões de mulheres têm trabalhado desde 1 de Janeiro, mas só começaram a receber uma remuneração esta semana», afirmou VIviane Reding, Vice Presidente da Comissão e Comissária para a Justiça da UE.

«O Dia Europeu da Igualdade Salarial recorda-nos todo o trabalho que é preciso ainda realizar para eliminar a disparidade salarial entre homens e mulheres. Em conjunto com os Estados Membros e os parceiros sociais, procuraremos reduzir significativamente essa desigualdade salarial na UE, para que, um dia, deixemos de precisar de um Dia Europeu da Igualdade Salarial para sublinhar as diferenças de remuneração entre homens e mulheres.»

Salário igual para trabalho igual é um dos princípios fundadores da União Europeia. Este princípio já estava consagrado no Tratado de Roma em 1957. Todavia, os progressos no sentido de reduzir esta disparidade salarial entre homens e mulheres têm sido realizados a um ritmo muito lento. Esse ritmo varia entre 5%, na Itália, e 30%, na Estónia, segundo as estatísticas mais recentes, para 2008. Esses dados reflectem desigualdades complexas e persistentes no mercado de trabalho.

Para saber mais, visite:

Igualdade entre homens e mulheres na UE
Campanha contra a disparidade salarial entre homens e mulheres
Página Internet de Viviane Reding, Vice-Presidente e Comissária responsável pela Justiça, Direitos Fundamentais e Cidadania

04 de Março de 2011

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.