A presença de animais selvagens nos circos tem mais de dois séculos, contudo nos últimos anos esse conceito tem gerado bastante controvérsia pelas más condições em que os animais são mantidos e tratados.

As críticas tornaram-se tão fortes que diversos países proibiram já a utilização de animas selvagens nos espetáculos circenses, sendo Portugal um desses países.

Na Alemanha, um circo decidiu manter a violência animal fora dos palcos, sem deixar de fora a grandiosidade e fascínio pelo animais selvagens.

Este circo substituiu animais selvagens por hologramas e o resultado é surpreendente

O resultado é tão criativo quanto inovador, fazendo do Circo Roncalli o primeiro no mundo a utilizar hologramas em vez de animais reais.

Para isso, criou imagens 3D de elefantes, cavalos galopantes ou peixes voadores que são projetadas com recurso a 11 projetores laser numa tenda de 32 metros.

Os hologramas são projetados numa arena de 360 graus para que todos os espectadores possam usufruir igualmente desta experiência.

As reações têm sido muito positivas e basta ver um pequeno vídeo sobre o espetáculo para que a curiosidade fique aguçada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.