Variando de caso para caso, uma criança com PPA costuma ser muito distraída; sentir-se incomodada em ambientes barulhentos; trocar muito as letras, sendo estes sintomas confundidos com problemas de aprendizagem, défice de atenção ou mesmo dislexia.

Em qualquer fase de crescimento do seu filho é importante estar atento a estes sintomas que podem prejudicar o seu desempenho escolar. Mas o importante é que esta disfunção tem cura e poderá ser avaliada no Gabinete Arte de Comunicar, em Braga, sob a minha gerência enquanto Diretora Clínica e Fonoaudióloga, onde realizo este exame há quase uma década bem como no Porto e em Lisboa.

Desde o meu doutoramento em Portugal, concluído em 2012, que tenho investigado esta disfunção na Universidade do Minho e avaliado crianças e adultos.

Conto já com dados de mais de 500 casos estudados de Perturbação do Processamento Auditivo a diversos pacientes desde os 3 até aos 69 anos, maioritariamente a crianças até aos 9 anos de idade (371 casos).

Importância da deteção precoce

O mais importante é que os pais percebam que o seu filho tem apenas uma imaturidade num ponto de desenvolvimento e que vai passar. Quanto mais cedo procurarem ajuda, mais rápido a criança se corrigirá. Nos mais pequenos estamos cada vez mais atentos ao desenvolvimento de competências auditivas e linguísticas e um atraso de linguagem deverá ser sempre investigado pelo prima da audição. Crianças entre os 4 e os 6 anos estão cada vez mais presentes nos nossos serviços e uma avaliação auditiva precisa será fundamental nesta faixa etária.

Nesse sentido, a avaliação do Processamento Auditivo consiste na aplicação de um conjunto de testes auditivos que irão avaliar diversas competências auditivas. Após o exame e mediante uma relatório especializado poderá ser indicado um tratamento especializado, denominado treino auditivo. Durante o tratamento, ainda podem estar envolvidos outros profissionais de várias áreas, como professores, neuropediatras e psicólogos.

No decorrer da minha investigação e prática na avaliação da PPA senti necessidade de ter apoios complementares ao treino auditivo, nesse sentido lancei três volumes de CDs intitulados de APA - Atividades de Processamento Auditivo – Volume 1/2/3 que consistem em gravações em português europeu com atividades para treinar o ouvido a escutar e entender, um complemento para pais, professores mas especialmente para terapeutas da fala.

Há um ano lancei também o primeiro livro em Portugal sobre esta disfunção "Perturbação - Processamento Auditivo - Conhecer, Avaliar e Intervir" - com a editora Papa-Letras, da série Biblioteca da Educação e Formação.

Atualmente uma avaliação auditiva completa poderá ajudar crianças com dificuldades de aprendizagem, erros na escrita, distração, dislexia e até no comportamento. Mas para isso é preciso conhecer o processamento auditivo, saber avaliar e intervir de forma adequada. Este livro tem como objetivo preencher uma lacuna existente em Portugal e promover uma prática clínica baseada em evidências.

Por Cristiane Lima Nunes, Fonoaudióloga, Diretora Clínica do Gabinete Arte de Comunicar e Investigadora da Universidade do Minho

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.